domingo, junho 10, 2007

PALAVRAS


Nunca as palavras serviram
Para dizer quanto te amo,
Só os gestos, nunca mentiram
E palavras, uso-as quando te chamo…

Chamo por ti, oh vento
Chamo a rosa e a lua
Porque só em pensamento,
Meu amor, sou toda tua…

Nestes meus olhos chorosos
Vejo sempre os teus a brilhar,
Parecem sóis, tão amorosos,
Que olhá-los, faz-me sonhar…


07.06.07
Porto (Rio Tinto)

Etiquetas: ,

1 Comments:

Blogger Diolindinha said...

Minha querida vizinha, os seus poemas continuam a ser lindos! Quantas vezes as palavras não chegam para traduzir os nossos sentimentos... Então os olhos falam por nós.

Beijinhos

8:07 da manhã  

Publicar um comentário

<< Home


Free Hit Counter