sábado, janeiro 30, 2010

SOL

O Sol é enganador,
Faz ver as cores
E à noite alta aparece rude,
Incolor; para deturpar amores…
E de tão insensível só causa dores…

O Sol também é inimigo
Queima as pétalas viçosas
Enquanto eu fujo contigo
Por lugares tortuosos…
E com palavras falaciosas…

O Sol faz-se de rei
Vai abrasando por onde passa,
Secando os solos da grei,
Às vezes espalha desgraça
Nas vidas e onde nem sei…

O sol é um usurpador
Vive criando sombra,
Seca as pétalas da flor
Finge-se de animador
E confunde-se na penumbra…

30.01.10

Etiquetas:

1 Comments:

Blogger Paula Raposo said...

Uma maneira muito bela de falar do Sol!
Beijinhos para ti.

2:56 da tarde  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home


Free Hit Counter