quinta-feira, setembro 20, 2007

TCHAIKOVSKY


À hora crepuscular a melodia do teclado,
O som do piano, harmonioso e ritmado
Foi deixando minha alma a sonhar
E nas fortes batidas, senti o que era amar…

A Valsa das Flores foi o trabalho estudado
Em que vibrou toda a sensibilidade do amado
O sorriso dos seus olhos sempre a brilhar
Criaram-me aquela fantasia de tanto amar…

Juntos, sempre com o piano como união.
Vivíamos a mais terna e real paixão,
Mas Tchaikovsky escondia os seus amores

Teclando por vezes com uma fúria inspirada
Deixou-me à espera, triste, só, abandonada
Para nos braços do amante, viver seu esplendor…


11.09.07

Etiquetas:

3 Comments:

Blogger mixtu said...

um teclar enquanto se espera...

abrazo europeo

9:21 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

menina vc é mto talentosa sabia
q Deus a abençoe ainda mais!!

shalom!!!

4:59 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

Boas, houve uma alteraçao na data e local do lançamento do meu livro Versos Nus.
Sera possivel alterares a noticia colocada neste blog e fazer mais um pequeno post a avisar da alteração?
Agora é:
Lisboa, 29 de Setembro - 16.00 - Magnolia Caffé (Praça de Londres)

Obrigado!
www.tiagonene.pt.vu

10:35 da tarde  

Publicar um comentário

<< Home


Free Hit Counter