domingo, setembro 27, 2009

PARTIDA DO SOL

Desce o Sol lentamente

Descai a tarde

Dançam as sombras

Ao balançar do arvoredo.

Balança tão docemente

Como as ondas à beira-mar…


Brincam as sombras na minha mão

Parecem crianças a baloiçar

Vêm suavemente e vão

É a tarde que me vai deixar…


Desce o Sol para o poente

No seu caminho diário

Vai descendo no horizonte

Cumprindo o seu fadário…


As sombras ficaram gigantes

As folhas arrastam-se errantes

Como nos sonhos do imaginário…



16.09.09 – 21H45

Hosp. Stª Maria

Etiquetas:

1 Comments:

Blogger Maria Clarinda said...

LINDO!!!!
Não tenho palavras só um carinho que tu sabes o quão especial é!!!!
Jinhos

11:43 da manhã  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home


Free Hit Counter